barba hipster
Estilos de Barba 5 de março de 2019

Barba Hipster: você já ouviu falar?

Você já viu algum hipster sem barba? Olha, pode até ter, mas é impressionante como uma coisa ficou atrelada a outra, até hoje! Na real mesmo, este estilo foi um dos responsáveis pela popularização dos barbudos nos últimos anos. E agora, com as nossas dicas, finalmente, você poderá cultivar a sua tão sonhada barba Hipster e entrar para o clube dos “moderninhos” de plantão.

Tá a fim de conferir e começar os trabalhos no rosto? Então, sem enrolações, bora ao que interessa!

Qual é a desse movimento Hipster?

via GIPHY

Certamente, você já ouviu falar e até deve conhecer uns caras nessa vibe. O lance é que, mesmo estando em alta, são poucos os que estão ligados na origem e curiosidades do movimento. Maior galera associa o ano de 1990, como o surgimento dos Hipsters, o que é contestável.

O estilo bombou, de fato, nesta época, mas seus primórdios beiram os anos 40. Neste período, a barba meio que saiu de moda por muitos anos (devem ter sido tempos difíceis esses, meu caro!). Até que, finalmente, entre 90 e 2000, o mundo acordou novamente e os tão queridos fios, voltaram a brotar em milhões de rostos masculinos pelo mundo.

Mas o conceito principal do movimento Hispter é associado a um grupo de pessoas com estilo próprio e que, habitualmente, reinventa a moda, determinando as tendências. Quase sempre trazem visuais antigos, misturados a acessórios modernos, e com um estilo de vida bem particular.

Quais estilos os Hipsters trouxeram?

Esse grupo se caracteriza por mesclar estilos vintage, mas sem abrir mão também de acessórios mais modernos. No entanto, a barba Hipster, tatuagens oldschool, camisa xadrez e óculos escuros se tornaram marcas registradas do movimento.

Porém, o mais legal de tudo é que o movimento não se limita somente ao visual, mas também a um estilo de vida peculiar, como curtir filmes, músicas alternativas, rolês fora da caixinha e, claro, uma boa cerveja artesanal.

E a tal barba Hipster?

via GIPHY

Um movimento todo baseado num visual maneiro e alternativo, não poderia deixar a barba de fora, concorda? Como dissemos no início, os Hipsters foram fundamentais para a volta dos barbudos como tendência de moda. Aquela pegada “lenhador”, quase sempre é associada aos caras, até porque eles não economizam no volume.

Apesar disso, pode reparar que, apesar dos pelos grandes, é certo de estarem sempre muito bem tratados. Portanto, quem pretende cultivar uma barba Hipster, é bom se ligar em algumas dicas e cuidados especiais.

Na hora de aparar, se atente a raspar a região do pescoço (não esqueça de usar gel para barbear, hein?). Afinal, a barba Hipster costuma ser volumosa, mas dificilmente desleixada. Além disso, no entorno da boca, dê aquele trato com a tesoura, para não parecer o Leôncio, combinado?

Ah, e por falar em bigode, este também merece atenção e, sem dúvidas, dá todo o destaque à barba Hipster também. Independentemente do volume no rosto, use uma cera para modelar. Isso é clássico!

Enfim, essa foi uma ligeira ajuda para aqueles que querem cultivar uma barba Hipster. Certamente, deixá-la apenas crescer não é a solução. É preciso cuidar e tratar diariamente com produtos específicos. Além disso, é imprescindível dar uma renovada no guarda-roupas ou testar algumas combinações novas!

Curtiu? Quer saber como ter aquela barba Hipster gigante? A gente tem a boa! Conheça o Blend e veja como este produto age no seu rosto. Em semanas, você já vê a diferença!

 

Posts Relacionados
Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Cadastre-se para Receber NOTÍCIAS E PROMOÇÕES
Mais comentados
Blend Original® Barba de Respeito